nova

Notícias

CULTURAL - Criminalização dos movimentos populares
por José Amaro da Silva - 25/10/2017

O poder repressor, diabólico do Estado, imprime toda sua força brutal, repressora, violentamente contra os movimentos de libertação popular, para que a população excluída, miserável, não venha a ameaçar as concessões das grandes multinacionais, dos grandes latifundiários, das grandes oligarquias, e os interesses do próprio Estado repressor. (Que são os coronéis políticos)

A primeira etapa da estratégia maligna é usar os meios de comunicação de massa para desqualificar os movimentos e criminalizá-los, disseminando o ódio, criando assim, aos olhos da população alienada, que acredita na versão da imprensa forjada, esse aspecto de banditismo.

A imprensa, que deveria ser livre e imparcial, necessita da concessão do Estado, do dinheiro das multinacionais e dos coronéis políticos para sua própria sobrevivência.                                                         

Esses movimentos populares legítimos, que agora são estigmatizados de quadrilhas, de vândalos, já podem ser massacrados, e seus líderes com as cabeças postas à premio. Assim a repressão policial, o ódio ideológico e conseqüentemente o massacre, ficarão plenamente justificados. É portando uma artimanha comum das classes dominantes, para reprimir e exterminar, não somente as reivindicações camponesas, como todo movimento popular libertário.  

Essa estratégia das forças do mal vem dando certo deste a antiguidade. Aconteceu com Jesus e o cristianismo. Espalharam que Jesus era um criminoso, um bandido, um vândalo. Criminalizaram o movimento cristão, jogando assim o povo contra o movimento. A grande boiada, a população que escuta e acredita em tudo o que a imprensa diz, passa a odiar cegamente, sem raciocinar, sem filtrar, sem peneirar, sem questionar o que há por trás!

Fizeram isso com Tiradentes e os inconfidentes que queriam nos libertar de Portugal. Mataram todos os lideres dos escravos, que queriam o fim da escravidão. Executaram todos os lideres operários que lutaram por melhores condições de trabalho, nas décadas de 20, 30, 40... Expulsaram do país ou mataram nossos artistas que se opuseram contra o golpe militar de 64. (isso sempre tendo a população, sem cérebro, apoiando as forças do mal. É a população excluída, trabalhando e lutando contra sua própria gente; excluindo a si mesma)

Isso continua até nos dias de hoje, enquanto os movimentos populares e a esquerda estão nas ruas, organizando movimentos contra as reformas feitas pelos políticos, contra as privatizações, contra a entrega das nossas reservas aos poderosos, os políticos capitalistas criminalizam os movimentos, tornam seus líderes em bandidos, mandam a imprensa comover o povo sem cérebro, aí é somente “descer o cacete no povo nas ruas”. Isso, tendo a grande população pobre, omissa, deitada nos sofás, apoiando os ricos e o poder repressor.

Deixe seu comentário

Comentar

* = Preenchimento obrigatório
Nome *
Email *
Mensagem *
 

Comentários

O espaço abaixo é destinado para opiniões, comentários e debates de ideias. Ataques pessoais não serão, de maneira nenhuma, tolerados, e nos damos o direito de não publicar comentário ofensivo, difamatório, calunioso, racista, preconceituoso ou de alguma forma prejudicial a terceiros, assim como textos de caráter promocional; e se mesmo assim você se sentir ofendido por algum comentário envie um email para CONTATO@LAGONOTICIAS.COM.BR
Tadeu franco
Tadeu franco | 25/10/2017
Cursos de formação política nas escolas , já!
Guia de Empresas

Publicidade

Publicidade

Enquete

Em sua opinião, a administração do Prefeito Bem Te Vi está:
Ótima
Boa
Ruim
Péssima
Digite seu email eletronico para receber todas as novidades